Regra dificulta pedido de asilo na fronteira entre EUA e México

Por Metro Jornal

Os EUA vetaram pedidos de asilo feitos na fronteira do país com o México a imigrantes oriundos de outros países da América Central. De acordo com decreto publicado ontem pelo governo de Donald Trump, quem passar por um terceiro país antes de chegar aos EUA e não pedir asilo a esse país não poderá fazer a requisição ao governo norte-americano. A regra entra em vigor hoje.

“Em última instância, a ação reduzirá os fardos avassaladores sobre o nosso sistema doméstico causado por solicitantes de asilo que não busquem proteção urgente no primeiro país disponível, imigrantes econômicos que não tenham um temor legítimo de perseguição e organizações criminosas transnacionais, traficantes e contrabandistas explorando o nosso sistema para lucrar”, disse em comunicado o secretário do Departamento de Segurança Doméstica em exercício, Kevin McAleenan.

À Justiça

A lei de asilo dos EUA não permite restrições baseadas nos países pelos quais solicitantes transitaram a caminho da fronteira americana, disse o vice-diretor do programa de direito migratório da União Americana das Liberdades Civis, Lee Gelernt.

Ele afirmou que o grupo desafiaria a regra na Justiça imediatamente.

O decreto foi emitido pelo Departamento de Justiça e pelo Departamento de Segurança Doméstica norte-americano e entrará em vigor a partir de hoje.

Certas exceções seriam aplicadas, como se uma pessoa tiver negado asilo em outro país ou for vítima de tráfico humano.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo