Marginal Tietê é liberada conforme o nível da água diminui

Por Metro Jornal

A Prefeitura de São Paulo diz que o nível da água está baixando na marginal Tietê, na altura da ponte das Bandeiras, mas a via segue com bloqueios nesta sexta-feira (5). De manhã, o secretário de Transportes, Edson Caram, confirmou que o rodízio de veículos foi suspenso no período da manhã devido ao alagamento na região. As vagas de Zona Azul (estacionamento rotativo) também foram liberadas.

Em entrevista à BandNews FM, o gerente da Central de Operações da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), Marcelo Guidolin, afirmou por volta das 9h30 que já é possível passar pela pista local e pela faixa da direita da central, no sentido Castelo Branco. As demais faixas seguem fechadas.

Já em direção à rodovia Ayrton Senna, a marginal Tietê tem apenas a pista expressa liberada ao tráfego. A secretaria de Subprefeituras afirmou ter deslocado bombas móveis extras para operar na região e acelerar a liberação total da via. "Importante esclarecer que, quando a cota do Rio chega ao limite, se torna impossível a realização do bombeamento", afirmou a pasta, em nota.

A administração reforça ainda que faixas e corredores exclusivos para ônibus seguem valendo conforme os horários divulgados nas placas. O descumprimento gera uma infração gravíssima, com sete pontos na carteira e multa de R$ 293,47.

Muita chuva

De acordo com o município, das 0h de quinta-feira (4) às 7h desta sexta, a cidade recebeu 87,4 mm de chuva. O índice é mais do que o dobro da média esperada para todo o mês de julho (43,3 mm).


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo