Receita pega no Porto de Santos mais de meia tonelada de cocaína

Por Estadão Conteúdo

Agentes da Alfândega da Receita no Porto de Santos frustraram o envio a Roterdã, na Holanda, de mais de meia tonelada de cocaína em um contêiner com uma carga de tambores de suco de laranja congelado.

A localização da droga ocorreu durante ação rotineira de vigilância, neste domingo, 30, abrangendo monitoramento por câmeras interligadas à Central de Operações e Vigilância (COV) da Alfândega de Santos, inspeção de servidores no local para verificação de campo e utilização de cães de faro, "que possibilitaram a identificação de um contêiner com indícios de violação".

Segundo informou a Assessoria de Comunicação Institucional da Alfândega da Receita do Porto de Santos, a droga – 523 quilos de cocaína – estava oculta em três contêineres, cujo destino final seria o porto de Roterdã. No contêiner contaminado, foram encontradas, junto à porta, 12 bolsas contendo tabletes de cocaína.

Segundo a Receita, pela disposição das bolsas no interior do contêiner, suspeita-se da técnica criminosa denominada rip-on, rip-off, em que a droga é inserida em uma carga lícita sem o conhecimento dos exportadores e importadores.

A droga interceptada ficará sob a guarda da Delegacia de Polícia Federal de Santos, que prosseguirá com as investigações.

Apreensões de drogas no Porto de Santos nos últimos anos

  • 2016 – 10.622 kg
  • 2017 – 11.540 kg
  • 2018 – 23.119 kg
  • 2019 – 12.196 kg

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo