Greve Geral: Mais de 50 escolas particulares decidem suspender aulas

Por Metro Jornal

O número de escolas particulares em que os professores decidiram aderir à paralisação contra a Reforma da Previdência subiu para 53. Entre os colégios com aulas suspensas nesta sexta-feira (14) estão Equipe, Gracinha, Vera Cruz e Notre Dame.

Segundo o Sinpro (Sindicato dos Professores), mais docentes podem aderir à paralisação ao longo do dia.

Veja a lista de escolas com aulas suspensas:

1. Alecrim

2. Anglo 21

3. Arco

4. Areté

5. Arquidiocesano

6. Arraial das Cores

7. Bakhita

8. Casa de Aprendizagens

9. Casinha Pequenina

10. Criarte

11. Cursinho da Poli

12. Divina Pastora

13. Dom Henrique

14. Equipe

15. Escola da Vila

16. Educação Infantil Saúde (parcial)

17. Espaço Brincar

18. Externato Aldeia

19. Fazendo Arte

20. Friburgo

21. Garcia Yago

22. Giordano Bruno

23. Gracinha

24. Hugo Sarmento

25. Invenções

26. Ítaca

27. Lycée Pasteur

28. Mapple Bear Granja Julieta

29. Maria Boscovitch

30. Marupiara

31. Meu Castelinho (Educação infantil – Itaim Bibi)

32. Micael Waldorf

33. Monte Castelo

34. Notre Dame

35. Novo Alicerce

36. Ofélia Fonseca

37. Oswald de Andrade

38. Oswaldo Cruz 39. Politeia

40. Pré-escola Quintal do João Menino

41. PUC/SP

42. Rainha da Paz

43. Recreio

44. Santa Catarina de Sena (Paraíso)

45. Santa Clara (parcial)

46. Santa Cruz (parcial)

47. Santi

48. São Domingos

49. Teia Multicultural

50. Vera Cruz

51. Viva

52. Waldorf São Francisco

53. Waldorf Berta e Emil Molt


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo