Greve Geral: Bancários confirmam paralisação na sexta-feira

Por Metro Jornal

Mais uma categoria confirmou a adesão à greve geral, convocada para sexta-feira (14). O Sindicato dos Bancários, que representa trabalhadores de São Paulo, Osasco e região, decidiu em assembleia na noite de terça-feira suspender as atividades em um protesto contra a reforma da Previdência.

Motoristas, metroviários, ferroviários, professores, metalúrgicos, químicos, servidores públicos e outros trabalhadores também decidiram pela paralisação.

Veja a nota na íntegra:

Em assembleia na noite de terça-feira 11, na Quadra dos Bancários, em São Paulo, os trabalhadores de bancos públicos e privados de São Paulo, Osasco e região – base do Sindicato – decidiram, por unanimidade, juntar-se a outras categorias e aderir à paralisação nacional nesta sexta-feira (14).

“Bancários aprovaram, em assembleias, a participação na greve contra a retirada de direitos. Vamos às ruas lutar contra o fim da aposentadoria e o desmonte dos direitos previdenciários e em defesa dos bancos públicos”, afirma Ivone Silva, presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região.

Como pagar minhas contas no dia da greve?

Como as agências não estarão funcionando, as opções serão pagar por caixa eletrônico, internet banking, aplicativo do banco no celular, serviço telefônico do banco ou correspondentes bancários, como as casas lotéricas.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo