Patinete: 81% não usam itens de segurança

Por Metro Jornal

Pesquisa realizada pelo Procon-SP entre os dias 14 e 27 de maio mostrou que 81,1% dos condutores de patinete não usam equipamentos de segurança, como capacetes, cotoveleiras e joelheiras.

No entanto, o mesmo estudo revelou que 52,7% usariam capacete se a empresa fornecesse o item.

A opinião geral sobre a segurança do veículo é dividida: 46,4% não acham o equipamento seguro. Mesmo assim, 80,4% acham o patinete uma boa alternativa de transporte.

A pesquisa avaliou o comportamento dos usuários do veículo e a opinião geral da população. O questionário foi publicado nas redes sociais do Procon para que as pessoas respondessem. Ao todo foram 1.381 respostas.

O número de condutores dentre os entrevistados foi de 391 (28,3%). Dentro desse número, a maior parte prefere utilizar o veículo em ciclofaixas (69,4%) e ruas (16,7%) do que em calçadas (14,2%). Apesar disso, 33,1% responderam que usam o patinete nas calçadas, o que, com as regras determinadas pela prefeitura para o uso do modal, passou a ser proibido.

A intenção de uso dos condutores também é dividida, pois 55% utilizam o patinete como meio de locomoção funcional (ir trabalhar/estudar), enquanto que 45%  alugam o veículo por lazer.

Apenas 8,9% disseram ter sofrido algum acidente, sendo que a maioria (55,6%) afirmou ter batido ou caído sozinha.    


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo