Primeiras linhas do Metrô ganharão portas automáticas nas estações em até quatro anos

Por Metro Jornal

Três linhas do Metrô de São Paulo terão portas automáticas instaladas em todas as suas estações nos próximos quatro anos. Na quarta-feira (5), a autarquia ligada ao governo estadual confirmou a contratação do serviço, que custará cerca de R$ 340 milhões.

Veja também:
Funcionários da Unicamp entram em greve por reajuste salarial
Internado após AVC, Agnaldo Timóteo será transferido para São Paulo

As estruturas serão colocadas em todo o ramal das linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha. Elas tem como objetivo aumentar a segurança nas plataformas, já que separam todo o vão dos trilhos com paredes de vidro e portas que só se abrem quando o trem para completamente na estação.

O consórcio Kobra, vencedor do processo de licitação, é formado pelas empresas Husk Eletrometalurgica, MG Engenharia e Construção, Samjung Tech e Woori Technology. Dessas três linhas, há apenas quatro estações com portas automáticas – Sacomã, Tamanduateí e Vila Prudente, da linha 2-Verde, e Vila Matilde, da linha 3-Vermelha.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo