No frio, doação de sangue cai até 35%

Por Metro Jornal

A chegada dos dias mais frios faz as doações de sangue caírem 35% em relação ao registrado em outras épocas do ano, de acordo com a Fundação Pró-Sangue.

Para incentivar a prática, é realizado neste mês a campanha Junho Vermelho, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde e pelo movimento Eu Dou Sangue.

Monumentos, prédios públicos e privados, como o Memorial da América Latina e o Hospital Sírio-Libanês, são iluminados de vermelho para lembrar a importância da doação.  O Dia Mundial do Doador de Sangue é celebrado no dia 14 de junho.

Os tipos sanguíneos O+, O-, A- e B- estão em estado crítico na Pró-Sangue, que atende a cerca de cem instituições públicas de saúde.

No hemocentro da Santa Casa, os níveis de AB-, B-, AB+ e B+ também estão críticos e os dos tipos A- e O+ em alerta.

Para doar sangue, é necessário atender a requisitos básicos (veja o quadro) e verificar se está dentro dos impedimentos temporários ou permanentes.

COMO DOAR:

• Ter entre 16 e 69 anos (menores de 18 precisam de autorização) e pesar no mínimo 50 kg

• Estar bem alimentado (evitar comidas gordurosas), descansado (dormir pelo menos 6 horas) e bem de saúde

• Levar documento de identidade com foto


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo