Paulo Guedes anuncia suspensão de concursos públicos

Por Metro Jornal

Durante audiência na Câmara dos Deputados nesta terça-feira (7), o ministro da Economia Paulo Guedes anunciou uma meida de suspensão de concursos públicos para os próximos anos.

O economista afirma que, em governos anteriores, houve um excesso de contratações que culminou no inchaço da máquina pública, acompanhado de um aumento excessivo nos salários.

Para os anos seguintes, Guedes conta com a aposentadoria dos servidores públicos para cortar cargos. Segundo o ministro, 40% destes funcionários irão se aposentar nos próximos quatro ou cinco anos, e a equipe econômica pretende travar os concursos públicos para que eles não sejam substituídos.

"Para proteger a mão de obra que está lá, nós fizemos o seguinte: vamos desacelerar as contratações agora, ficar sem contratar um tempo, e vamos informatizar", explicou.

"Em vez de admitir militantes nossos agora, nos próximos dois, três anos, ao contrário; não tem admissões durante um certo tempo. Nós precisamos pensar no país. Não vamos admitir durante um certo tempo", afirma Guedes.

O ministro abordou tanto a suspensão de novas contratações quanto a "desaceleração" do ingresso de pessoas na máquina pública.

"Então, você não precisa demitir; não precisa fazer nada. Basta você desacelerar as entradas, que vai acontecer naturalmente; esse excesso vai embora sem custo, sem briga, sem demissão".


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo