Tragédia no Chile: Duas crianças brasileiras morrem em ponto turístico na capital Santiago

Por Wellington Botelho

Duas crianças brasileiras, de apenas 3 e 7 anos de idade, morreram na tarde desta segunda-feira (3) no Chile, de acordo com o jornal local Publimetro.

As duas menores, que estavam acompanhadas dos pais, foram atingidas por uma rocha nas proximidades do reservatório de El Yeso, em San José de Maipo (região de Santiago).

De acordo com informações preliminares, um grupo de 20 pessoas era assistido por uma agência de turismo. Local distante da capital, eles participavam de um tour na região com neve, quando ocorreu o deslizamento.

Uma das vítimas chegou ser transferida de helicóptero para um hospital em Santiago, mas acabou não resistindo aos ferimentos.

Vazamento de gás

Em 22 de maio um vazamento de gás em um apartamento no centro de Santiago, no Chile, também deixou seis brasileiros mortos.

As vítimas, de Santa Catarina, foram quatro adultos e dois menores de 13 e 14 anos que estavam no local há uma semana – todos da mesma família.

LEIA TAMBÉM: 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo