Defesa americana intercepta seis aeronaves de guerra russas próximas à fronteira do país

Por Metro Jornal

Quatro bombardeiros e dois jatos de combate provenientes da Rússia foram interceptados na segunda-feira (20) pela NORAD, o Comando de Defesa Aeroespacial dos Estados Unidos. A informação foi dada pela própria organização em nota oficial, e também divulgada pelas redes sociais, junto à imagens das aeronaves.

Quando tiveram sua passagem interrompida, as naves russas estavam entrando na zona aérea do Alasca, estado norte americano. No entanto, elas nunca chegaram a sair do espaço aéreo internacional, não existindo portanto invasão aérea dos EUA ou do Canadá, país vizinho.

LEIA MAIS:
Batida entre duas carretas interdita pista da Imigrantes
Droga: 500 kg de cocaína deveriam sair de Santos para a Holanda

"Dois bombardeiros russos foram interceptados por dois F-22s, e um segundo grupo de bombardeiros com 'fighters' Su-35 foram interceptados depois por outros dois F-22s", afirmou a NORAD em sua conta oficial do Twitter. "Um E-3 da NORAD fez a vigilância geral".

O encontro colocou internautas norte-americanos em estado de tensão, sendo um dos assuntos mais comentados do dia nas redes sociais, e liderando pesquisas do Google durante esta terça-feira (21).


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo