Maio Amarelo: atenção às crianças

Por Metro Jornal

Há seis anos o ONSV (Observatório Nacional de Segurança Viária) desenvolve companhas de conscientização sobre o trânsito. Neste ano, o tema do Maio Amarelo é “No trânsito, o sentido é a vida”. A proposta é incentivar os condutores a ouvirem as crianças, que têm como maior causa morte os acidentes envolvendo veículos.

“No trânsito, o sentido é a vida”, segundo o ONSV, tem como inspiração a necessidade de todos estarem com os cinco sentidos atentos ao trânsito. Isso, claro, para transformá-lo num lugar seguro para passageiros, pedestres e ciclistas.

Ainda segundo o órgão, os materiais da campanha incentivam os motoristas a escutarem as crianças, que aprendem rápido e adquirem uma percepção do que é certo ou errado no trânsito.

Faz sentido que os menores sejam protagonistas. Dados apontados pelo DataSUS afirmam que, entre 2005 e 2014, as mortes no trânsito na faixa etária de 0 a 4 anos cresceram 66% no Brasil. Nesse segmento, os óbitos saltaram de 119 para 197 ao ano.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) os acidentes envolvendo veículos são a maior causa de morte de jovens de 10 a 19 anos no mundo.

Vale lembrar que as cinco principais causas de acidentes de trânsito estão ligadas aos motoristas: excesso de velocidade, associação de bebida alcoólica e direção, falta de uso de capacete, cinto de segurança e equipamento de retenção de crianças. A informação é da OMS.

De acordo com o Observatório, os acidentes não simplesmente acontecem, eles são frutos de escolhas inadequadas e arriscadas. Para o diretor-presidente do ONSV, José Aurélio Ramalho, a maioria dos acidentes têm como motivação as falhas humanas como imperícia, imprudência e desatenção.

“Somos os responsáveis pelos nossos atos no trânsito e ter consciência clara disso é um dos caminhos para a reversão do triste cenário não só do Brasil, mas de no mundo”, reforçou.

Durante todo o mês de maio, várias ações de conscientização acontecerão pelo país. A campanha do Maio Amarelo está disponível para uso gratuito de empresas, entidades, municípios, grupos e fomentadores do trânsito mais seguro e humano.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo