Violência em SP: é grave o estado de idoso baleado em banco

Por Metro Jornal

O estado de saúde do aposentado Daniel Pedroso Moraes, de 74 anos, baleado na segunda-feira ao se desentender com o segurança Wellington de Oliveira Sena, 31, numa agência do Bradesco em São Miguel Paulista (zona leste), é grave. Ferido no abdômen, ele está internado no Hospital das Clínicas, onde aguarda cirurgia.

O idoso teve dificuldades para passar na porta giratória. Ao entrar, foi em direção a dois vigias e agrediu Sena, que atirou.

O vigia passou por audiência de custódia ontem. Segundo o Tribunal de Justiça, ele teve sua prisão em flagrante convertida em preventiva.

O Bradesco disse em nota que estava “prestando toda a assistência necessária à vítima e seus familiares”. Ao “Brasil Urgente”, da Band, a filha da vítima, Silvana Moraes, disse que nem a empresa de segurança nem o banco entraram em contato para oferecer ajuda. Questionada pelo Metro Jornal, a assessoria do banco respondeu que Silvana foi contatada, indicou que falassem com seu irmão, Silvio, que por sua vez pediu que sua mulher, Claudia, fosse procurada, mas ela não atendeu.  


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo