Homem tenta invadir a Casa Rosada armado; gabinete de Macri recebe ameaça de bomba

Por Metro Jornal

A mídia argentina reportou, na tarde desta segunda-feira (13), uma ameaça de bomba na Casa Rosada, sede do governo do país. Um esquadrão antibombas foi acionado no local, e o gabinete do presidente, Maurício Macri, foi evacuado.

O Congresso também recebeu ameaças, e um anexo da Câmara dos Deputados foi alvo de aviso. O alerta foi disparado por uma chamada telefônica.

A ameaça ocorre horas após a detenção de um homem de 36 anos, que tentou entrar na Casa armado de uma pistola Magnum. De acordo com a imprensa argentina, Francisco Ariel Muñiz afirmou ter uma reunião marcada com Macri.

O suspeito é também militante do partido do presidente, PRO. Segundo o jornal Clarín, ele tentava há algum tempo marcar uma audiência com Macri.

"Ao constatar que a audiência com o presidente não existia, o homem tentou deixar a bolsa que continha um revólver Magnum 44 Taurus", relatou um comunicado oficial do governo argentino.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo