Postos de gasolina fazem pegadinha com preços dos combustíveis

Por Band News FM

Postos de combustíveis têm feito propagandas com valores que confundem motoristas em São Paulo. Os banners colocam em evidência preços que, na verdade, estão relacionados a alguma promoção ou valem por compra via aplicativo.

O preço real fica “escondido”, com letras menores e abaixo do outro valor, que é sempre mais atrativo. Ouvintes da BandNews FM relatam a prática em várias regiões.

Em um posto da avenida Cupecê, na zona sul, para conseguir o preço menor é preciso colocar um aditivo, mas isso não é informado de forma clara. Outro motorista só descobriu que os R$ 2,46 pelo litro do etanol valiam apenas para pagamento no aplicativo após abastecer e teve que desembolsar R$ 2,56. Postos também colocam em letras grandes o preço menor, sem explicar claramente que esse valor é apenas para pagamento em dinheiro. 

A diferença dos preços chega a R$ 0,25 em alguns bairros da capital. Na região metropolitana, há relatos do mesmo problema em Carapicuíba, Osasco, Taboão da Serra, além do ABC.

“No começo da estrada dos Romeiros, em Barueri, ele pratica essa ‘promoção’: tem um valor anunciado bem grande só que embaixo está escrito que ele só vale da meia-noite às 6h da manhã”, disse um ouvinte.

O Procon-SP diz que equipes do órgão fazem vistoria em postos de combustíveis todos os dias. Entre janeiro e abril deste ano, 1.100 postos foram fiscalizados em todo o estado. Desses, 600 foram autuados – ou seja, mais da metade apresentou alguma irregularidade.

O diretor-executivo do Procon-SP, Fernando Capez, garante que as denúncias com fotos são processadas pela entidade dentro de três dias. “O consumidor deve fotografar com o seu celular. Isso nos ajudar muito. Recebendo as imagens, a equipe de fiscalização vai imediatamente porque se trata de uma situação flagrada”, afirmou.   

A denúncia com foto pode ser feita por meio do app do Procon-SP, disponível para iOS e Android.  


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo