Mãe afirma que modelo que morreu na SPFW era saudável; velório é nesta segunda

Por Metro Jornal

A Polícia Civil investiga a morte do modelo Tales Soares, 25 anos, conhecido como Tales Cotta, durante um desfile da São Paulo Fashion Week, no sábado (27). Cotta estava participando da apresentação da grife OCKSA quando caiu e desmaiou no meio da passarela, sem motivo aparente.

O rapaz foi socorrido por bombeiros e levado ao hospital Sorocabano, na Lapa (zona oeste), onde teve uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. O velório de Tales está marcado para esta segunda (29), em Manhaçu, Minas Gerais.

Veja também:
Funcionários do metrô ameaçam greve para esta terça; categoria pede aumento real
Imposto de Renda 2019: contribuinte tem até terça para enviar declaração

No domingo (28), sua mãe, Heloisa Cotta, se pronunciou nas redes sociais lamentando a morte do filho. “Sempre teve muita saúde e sempre se cuidava com exames periódicos, portanto as fatalidades acontecem e era a hora dele”, escreveu. “Meu filho era um menino de ouro. Não tinha vícios. Vai me fazer muita falta.”

De acordo com o Boletim de Ocorrência, Tales morreu às 18h40 de anteontem e o exame necroscópico foi solicitado para apontar a causa oficial da morte. O caso foi registrado como morte suspeita.

Cancelamento de desfiles foi oferecido

A organização da SPFW divulgou nota em que disse que, ao receber a notícia da morte de Tales Cotta, reuniu marcas, diretores de desfiles e modelos para dar opção de cancelar as apresentações e que, mesmo abalados, todos decidiram manter os desfiles.

A Agência Base MGT disse que Tales “mantinha uma dieta saudável (era vegetariano), não usava substâncias ilícitas e estava em plenas condições para participar do desfile” e ainda que nunca apresentou ou se queixou de problemas de saúde.

Mineiro sonhava em ter carreira internacional

Mineiro, Tales Cotta, fez sua estreia na SPFW no ano passado, e, no último sábado, estava realizando seu segundo desfile na edição deste ano. Em entrevista à revista Haper’s Bazaar no ano passado, ele disse que seu sonho era seguir carreira internacional.

Cotta era formado em educação física. A prática de capoeira e de esportes estavam entre seus hobbies.

Tales Cotta Modelo queria carreira internacional / Jose Barbosa/Futura Press

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo