Suzane von Richthofen pode sair no Dia das Mães

Por Metro Jornal

Uma decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo vai permitir que a detenta Suzane von Richthofen, condenada a 39 anos de prisão pelo assassinato dos pais, ocorrido em 2002, seja beneficiada com a saída temporária para passar o Dia das Mães fora da prisão.

Suzane foi punida com a perda de três saídas temporárias após ter sido flagrada em uma festa de casamento em Taubaté (a 140 km de São Paulo), em dezembro do ano passado. A punição foi cancelada após um pedido de habeas corpus, e Suzane será liberada no dia 7 de maio, por sete dias, na saída temporária de Dia das Mães.

A decisão foi assinada pelo relator Damião Cogan, da 5ª Câmara Criminal de São Paulo, que considerou que a detenta não cometeu falta grave ao estar na festa. Cabe recurso do Ministério Público sobre a decisão.  


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo