Polícia prende vendedor das armas do massacre em escola de Suzano

Por Metro Jornal com Rádio Bandeirantes

A polícia prendeu nesta quarta-feira o responsável pela venda da arma e munições para os autores do massacre em Suzano, que deixou 10 mortos, entre eles os atiradores,

Cristiano de Souza foi detido na cidade da Grande São Paulo, na zona rural do município onde ocorreu a tragédia. "Ele é conhecido como Cabelo", disse o delegado Alexandre Dias.

LEIA TAMBÉM:
Terceiro suspeito do ataque na escola Raul Brasil tem nova audiência no fórum de Suzano

Como a arma foi vendida pela Internet, o material recolhido na casa dos três autores do crime e os rastros deixados nas redes sociais levou a polícia até ele.

Ele foi encaminhado à delegacia de Suzano, onde deve prestar depoimento sobre o crime.

A Justiça já decretou sua prisão temporário por 30 dias.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo