Samu: categoria inicia nova paralisação nesta terça-feira

Por Metro Jornal

As equipes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) decidiram nesta segunda-feira, em assembleia, fazer uma nova paralisação de 48 horas, começando hoje. O sindicato estima que 70% da categoria vai aderir.

O Sindsep (Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo) rejeitou a proposta da Prefeitura de São Paulo de criar uma comissão, formada pelo sindicato e coordenação do Samu, entre outros integrantes, para monitorar as mudanças.

A categoria pede, entre outras reivindicações, a suspensão do fechamento de 31 bases modulares do Samu, e o retorno das equipes às respectivas bases.

A prefeitura disse que vai responsabilizar as entidades por qualquer dano que a paralisação causar à população.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo