Operação prende três ex-secretários de Saúde do Distrito Federal

Por BandNews FM

Uma operação do Ministério Público de Brasília prendeu nesta terça-feira (9) três ex-secretários de Saúde do Distrito Federal: Rafael Barbosa, Fernando Araújo e Elias Miziara. Também foram detidos o ex-secretário adjunto de gestão da Secretaria, José Falcão, o diretor comercial da Kompazo, Edcler Carvalho e o empresário Cláudio Haidamus.

A ação, entitulada Conteiner, investiga contratações da empresa Metalúrgica Valença Indústria e Comércio, realizadas pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal para entrega de materiais e montagem das Unidades de Pronto Atendimento e estabelecimentos semelhantes.

A investigação, segundo o Ministério Público, já reuniu provas que indicam a atuação de servidores públicos na realização de licitações em benefício da empresa. A organização criminosa seria chefiada pelo ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, que determinou o direcionamento do pregão.

Veja também:
Relator da Previdência apresenta parecer na CCJ da Câmara nesta terça
Dez militares são presos em flagrante por envolvimento no fuzilamento de carro no Rio

Em valores atualizados, estima-se que as contratações suspeitas ultrapassam o montante de R$ 142 milhões. O bloqueio desses valores já foi solicitado.

A operação é do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) do Ministério Público de Brasília. Os mandados são cumpridos nos estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Goiás, Minas Gerais e no Distrito Federal.

As medidas judiciais foram autorizadas pela 1ª Vara Criminal de Brasília. Foram expedidos nove mandados de prisão preventiva e 44 mandados de busca e apreensão. No total, estão envolvidos na operação aproximadamente 350 agentes.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo