“Parece que só fiz filme pornô na vida”, diz Frota sobre preconceito

Por Band.com.br

O deputado federal Alexandre Frota, do PSL, reclamou do preconceito que sofre por ter feito filmes pornôs em sua carreira de ator. Ele foi entrevistado por Luiz Megale no programa ’90 Minutos’, da Rádio Bandeirantes.

“Esquecem da carreira que tive antes. Foram 12 anos em diferentes emissoras de TV, fazendo novelas. Parece até que eu só fiz filmes pornôs na vida e pronto”, afirmou.

Frota contou ainda que precisou de posicionar “de uma maneira muito dura” quando chegou à Câmara dos Deputados, em Brasília, por causa desse preconceito.

“Tive que ter muita personalidade. Já tem, acredito eu, umas 18 sessões em que eu subi [na tribuna] para bater, criticar, apresentar e falar; tem deputado ali que está no terceiro mandato e nunca subiu ali, porque é preciso coragem e ter a verdade ao seu lado para isso.”

O deputado crê que, devido a esse posicionamento, hoje ele é respeitado até por parte da esquerda. “Estou em uma comissão de cultura com a Jandira Feghali (PCdoB – RJ), Maria do Rosário (PT-RS), Benedita da Silva (PT-RJ) e Paulo Teixeira (PT-SP) e convivo muito bem com eles. Abro diálogo com todo mundo. Com o Marcelo Freixo (Psol-RJ), por exemplo, tenho uma relação de convivência e respeito.”

Para Alexandre Frota, o clima polarizado na Câmara não pode estar acima das necessidades do País. “Tem pautas importantes que precisam andar, serem votadas; se ficarmos só na guerra, não andamos.”

O deputado também disse que apoia a redução do número de parlamentares no Congresso e o fim dos privilégios para a categoria. “Eu abri mão do carro e da aposentadoria especial”, afirmou.

Por fim, ele reclamou da ausência de colegas da Casa em sessões realizadas às segundas-feiras. “Tem segunda-feira que a sessão abre e tem só eu e mais três deputados”, pontuou. “Os deputados ficam chateados quando eu falo isso, mas todo brasileiro rala, trabalha de segunda-feira. Mas isso está estabelecido há anos, eu faço meu papel, vou lá e trabalho, e um único deputado só também não faz milagre ali dentro.”

Loading...
Revisa el siguiente artículo