Familiares e amigos comparecem ao velório das vítimas do massacre de Suzano

Por BandNews FM

O velório coletivo de parte das vítimas do massacre que deixou 10 mortos em Suzano, na Grande São Paulo, começou na manhã desta quinta-feira (14). Na cerimônia aberta ao público na Arena Suzano, seis vítimas serão veladas; as demais optaram por velórios reservados.

Na última quarta-feira (13), cinco alunos, dois funcionários e o tio de um dos assassinos morreram na ação que tinha como alvo a Escola Estadual Professor Raul Brasil. Os criminosos, Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25, também morreram; de acordo com a investigação da policial, Monteiro matou Castro e depois se suicidou.

Leia mais:
Tragédia em Suzano põe porte de arma em debate
Polícia acredita que tiroteio em Suzano foi cuidadosamente planejado

Em entrevista à Rádio BandNews FM, a estudante Isabela Cristina, de 16 anos, conta que foi se despedir do amigo Caio Oliveira, um dos mortos no ataque. Ela morava perto do adolescente, que tinha 15 anos, e disse que foi ao velório para dar apoio à família do garoto.

Também são velados outros três alunos e as duas funcionárias do colégio.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo