Defesa de Lula contesta fundo anticorrupção da Lava Jato

Por BandNews FM

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrega à Justiça Federal uma série de contestações relacionadas a um fundo anticorrupção criado com dinheiro recuperado pela Lava Jato. A entidade surgiu por meio de um acordo firmado entre Petrobras, Ministério Público Federal e o Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Leia mais:
Chamando-as de ‘joias raras’, Bolsonaro pede respeito ao ‘feeling’ da mulher
Damares critica luta por igualdade de gênero: ‘já que é igual, ela aguenta apanhar’

Os advogados questionam o posicionamento das instituições. Para a defesa do petista, a estatal e os órgãos de controle estão assumindo posicionamentos "incompatíveis com as suas atribuições legais", como, por exemplo, a criação de fundações privadas.

A Força-Tarefa da Lava Jato afirma que os recursos serão geridos por uma fundação independente para destinação a iniciativas sociais, com ampla transparência e prestação de contas públicas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo