Blitze mostram maior respeito à lei seca em SP

Por Metro Jornal

A fiscalização no trânsito no estado de São Paulo bateu recorde. Foram 89.965 carros fiscalizados no ano de 2018, o maior desde 2013.

Ao mesmo tempo, no ano passado, a quantidade de motoristas autuados por consumo de álcool foi o menor já registrado nos mesmos cinco anos. Dos quase  90 mil veículos inspecionados, 4.684 apresentaram condutores que haviam tomado bebida alcoólica antes de dirigir.

O número é 9% menor do que o de 2017, segundo o Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito).

O órgão associa a redução de flagrantes de motoristas dirigindo alcoolizados à ampliação da fiscalização e às campanhas de educação para o trânsito.

O especialista do Observatório Nacional de Segurança Viária Renato Campestrini afirmou que os resultados são surpreendentemente bons. “O estado de São Paulo e o Detran estão trabalhando bem  a questão educativa do trânsito, principalmente pelas redes sociais”, disse Campestrini. Ele ainda disse que o aumento de operações é necessário pois “é o momento em que o condutor tem mais percepção de que deve mudar sua conduta”.  

lei seca Arte / Metro Jornal
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo