Chuvas fortes do fim de semana causam prejuízos nas cidades paulistas

Por Agência Brasil

Municípios da grande São Paulo e do litoral paulista contabilizam os prejuízos causados pelas fortes chuvas do fim de semana. A situação mais crítica é a da cidade de Mauá, onde quatro crianças morreram soterradas, vítimas de deslizamento de terra.

Três pessoas ficaram feridas. Talita dos Santos Silva, 35 anos, está internada devido a trauma no crânio.

Leia mais:
Devido a falha processual, STF inocenta ex-deputado acusado por corrupção
Reforma da Previdência chega ao Congresso nesta quarta

Tainá dos Santos Silva, 11 anos, está em observação após cirurgia neurológica. José Santos da Vitória, 41 anos, teve uma fratura exposta na perna direita e apresenta quadro de saúde estável.

A Defesa Civil interditou, em Mauá, 24 moradias que também corriam riscos. Vinte pessoas desalojadas permanecem hoje (18) no Ginásio da Vila São João.

As outras 20 famílias estão recebendo suporte da prefeitura, mas decidiram ficar em casa de parentes e amigos. Elas receberam da Defesa Civil  60 cestas básicas, 35 colchões, 35 lençóis, 30 conjuntos de higiene pessoal e lonas.

Trinta famílias não ficaram desabrigadas, mas foram afetadas pela enchente e agora estão recebendo assistência.

Na capital paulista, houve deslizamento de terra proveniente de um talude com aproximadamente 10 metros de altura, segundo a Defesa Civil, na Avenida Jacu Pêssego, Jardim Nova Conquista. Duas faixas da avenida chegaram a ser interditadas.

Em São Caetano, foram registrados vários pontos de alagamento de vias e quedas de árvores. Cinco casas na rua Tietê foram inundadas. Vinte pessoas ficaram desabrigadas e se mudaram para casas de parentes.

Litoral

Em Peruíbe, no litoral paulista, a água invadiu 46 casas e 80 pessoas ficaram desabrigadas.

Metade das pessoas foi acolhida no Núcleo de Ações Educativas Sociais e o restante foi para casas de parentes.

Entre os bairros mais atingidos estão Caraguava, Jardim das Flores, Ribamar, Arpoador II e São João Batista II. Não houve vítimas.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tempo continuará instável na Região Metropolitana de São Paulo, com chuvas e temperaturas em elevação em todo o estado.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo