Deslizamento, árvores caídas e mais transtornos causados pela chuva em SP neste sábado

Por Metro Jornal

As chuvas que atingem a cidade de São Paulo desde a tarde de sexta-feira (15) continuam a causar transtornos neste sábado (16). A capital iniciou o dia com vias bloqueadas após a queda de árvores e chegou a entrar em estado de atenção para alagamentos por pouco mais de uma hora – entre 7h50 e 9h05, de acordo com a Defesa Civil.

Duas pessoas ficaram feridas após uma árvore despencar em cima de um carro na alameda Franca, nos Jardins. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a via tem bloqueio completo na altura da rua Haddock Lobo. Não há detalhe do estado de saúde das vítimas.

Na alameda Santos, paralela à avenida Paulista, uma árvore de grande porte bloqueou todas as faixas na altura do cruzamento com a avenida Brigadeiro Luís Antônio. Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), nenhuma fiação ou veículo foi atingido e ninguém ficou ferido. Por volta das 8h30, a faixa central foi liberada.

Leia mais:
Pesquisa brasileira desenvolve equipamento quase perfeito na detecção do câncer de pele
Atualizações para Android! WhatsApp prepara muitas novidades para os usuários

Outro ponto com interdição total ocorreu na avenida Doutor Enéias de Carvalho, em Pinheiros, zona oeste. A interdição ocorria na direção da rua Teodoro Sampaio, na altura da estação Clínicas (linha 2-Verde do Metrô). A fiação de energia foi atingida e equipes do Corpo de Bombeiros e da Enel (antiga Eletropaulo) trabalham no local.

De volta à zona sul, ouvintes da Rádio Trânsito FM relataram uma queda de árvore na rua Apotribu, após a avenida Jabaquara, que bloqueia todas as faixas. Os troncos atingiram um carro e a fiação da via – o bairro está sem energia elétrica. A Enel foi acionada. Já no pico do Jaraguá, zona norte, duas árvores caíram e interditam parte da pista.

Situação do transporte metroviário

A queda de um raio nas imediações da linha 10-Turquesa da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) faz com que os trens circulem com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as estações São Caetano e Pref. Celso Daniel-Santo André. Já no Metrô, todas as linhas circulam normalmente.

Deslizamento de terra

A Defesa Civil interditou uma área onde 15 casas que foram atingidas por um deslizamento de terra na noite de sexta no Jardim Ângela, zona sul. O capitão do Corpo de Bombeiros, Marcos Palumbo, afirmou que ninguém ficou ferido, mas que há risco de novos deslizamentos por conta da chuva no local.

Previsão para o dia

O tempo segue instável na capital paulista durante o resto deste sábado, de acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências). O sistema frontal que atraiu os temporais se afasta do litoral paulista, porém ventos úmidos que sopram do oceano causam garoas e chuvas mais leves e pontuais ao longo do dia.

As temperaturas não sobem muito, com máxima de 22ºC. A alta umidade e o solo encharcado pelos temporais até então favorecem a formação de alagamentos transitáveis e novos deslizamentos de terra em áreas de risco.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo