Segundo sobrevivente de incêndio no CT do Flamengo tem alta médica

Por Agência Brasil

Francisco Dyogo, um dos três feridos no incêndio que atingiu o Centro de Treinamento (CT) do Flamengo, no último dia 8, teve alta médica e deixou nesta sexta-feira (15) o Hospital Vitória, no Rio de Janeiro.

Ele é o segundo atleta a ter alta depois da tragédia, já que Cauan Emanuel havia deixado o hospital no último dia 11. O terceiro ferido, Jhonata Ventura, continua internado no Hospital Municipal Pedro II, com queimaduras em 30% de seu corpo.

Leia mais:
Polícia Civil bloqueia R$ 5 milhões em bens da principal milícia do Rio
Parentes acusam policiais militares por morte de criança de 11 anos

Segundo boletim médico divulgado ontem pela Secretaria Municipal de Saúde, o jovem continuava em um leito de terapia intensiva do Centro de Tratamento de Queimados do hospital, com boa evolução.

O incêndio no CT, conhecido como Ninho do Urubu, localizado em Vargem Grande, na zona oeste do Rio, atingiu um alojamento onde dormiam atletas da categoria de base do clube, todos com idades entre 14 e 16 anos.

Dez jovens morreram e três ficaram feridos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo