ABC é contra propostas do governo Bolsonaro, diz pesquisa

Por Cadu Proieti/Metro ABC

Jair Bolsonaro (PSL) ganhou nas sete cidades da região no segundo turno das eleições do ano passado. No entanto, levantamento feito pela empresa ABC Dados, especializada em pesquisas, mostra que muitos moradores do ABC não concordam com as principais propostas do governo do atual presidente. 

O estudo ouviu 1.000 pessoas. Os dados foram coletados em entrevistas pessoais entre os dias 11 e 15 do mês passado. Segundo o instituto, o nível de confiança do levantamento é de 95% e a margem de erro estimada é de três pontos percentuais para mais ou menos.

Foi apresentado aos entrevistados um conjunto de frases e a eles foi perguntado o quanto concordavam ou discordavam de cada uma delas. As frases visavam representar os temas mais polêmicos defendidos pelo novo governo, como a defesa da privatização, a posse e o porte de armas, menos direitos trabalhistas e o conceito do projeto “escola sem partido”. Em todas as pautas, a maioria disse ser contra essas propostas (veja todos os dados ao lado).

São Caetano é a única cidade onde o número daqueles que concordam que o governo deve privatizar as empresas públicas é maior do que aqueles que discordam.

Já sobre posse de arma, o que chama a atenção é que  quem tem renda e escolaridade mais alta e os evangélicos são os segmentos que tem os níveis mais altos de concordância com o tema, cerca de 40%.

Mulheres e jovens com renda e escolaridade mais altas são os que mais concordam com educação sexual nas escolas. Os evangélicos são os que mais discordam do tema.

Pesquisa sobre propostas Bolsonaro no ABC Reprodução

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo