Cratera se abre e engole carros de estacionamento na zona norte

Por Metro Jornal com Rádio Bandeirantes

Uma cratera se abriu no meio do conjunto habitacional Cingapura, na avenida Zaki Narchi, na região do Carandiru, na zona norte de São Paulo.

Durante a madrugada, os moradores tomaram um susto com o barulho do solo cedendo. Segundo o Corpo de Bombeiros, o desmoronamento provocou uma rachadura de 50 metros de comprimento. O buraco tem 5 metros de largura e 2 de profundidade. Ao menos 4 carros foram engolidos pela cratera, mas não houve feridos, pois os veículos estavam vazios.

A ajudante geral Lidineia Gomes de Aragão, que mora há 20 anos no local, diz que o marido quase perdeu o veículo que também estava no estacionamento.

Uma outra moradora, Silvia de Araujo, também se assustou e ficou com medo dos prédios caírem.

cratera zona norte Reprodução/Bombeiros

Leia mais:

Previdência: Mourão afirma que Bolsonaro é contra igualar idade mínima
Petrobras eleva preço do gás de cozinha a partir desta terça

A Defesa Civil ainda não conseguiu confirmar as causas do solo ter cedido.

Não é a primeira vez que acontece esse tipo de coisa no Conjunto Habitacional Cingapura. Em 2016, o rompimento de uma galeria provocou a abertura de outra cratera, com cerca de 20 metros de comprimento, na área de lazer.

Há 8 anos, a Justiça determinou a desapropriação dos imóveis, porque a Cetesb identificou a de gás metano no subsolo do terreno, com risco de explosão. Mas os moradores conseguiram uma outra liminar, que derrubou a decisão.

Nos apartamentos, vivem 750 famílias.

Três faixas foram bloqueadas na Avenida Zaki Narchi, próximo ao Carandiru, no sentido centro, mas foram liberadas por volta das 7h.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo