Confira a cotação do dólar, euro e bitcoin nesta sexta-feira, 1º de fevereiro

Por Metro Jornal

O Ibovespa subiu na última quinta-feira(31) 0,41%, a 97.393,74 pontos. Na máxima, a Bolsa brasileira atingiu o patamar inédito de 98.405,21. Com isso, acumulou em janeiro ganho de 10,8%, melhor desempenho mensal em um ano.

O dólar comercial fechou em queda de 1,77%, a R$ 3,659 na venda, menor valor desde 26 de outubro (R$ 3,655). É a maior queda percentual diária desde 8 de outubro, quando a moeda recuou 2,35%. A divisa encerrou o mês com desvalorização de 5,6%. Na véspera, o Fed manteve o juro na faixa de 2,25% a 2,5% ao ano e prometeu ser paciente em elevar as taxas neste ano, além de afirmar que estaria preparado para interromper o processo de venda de títulos do governo que estão no seu ativo, informou a Reuters.

“A declaração do Fomc (Comitê Federal de Mercado Aberto do Fed) trouxe mudanças importantes que efetivamente colocaram o Fed em uma posição neutra”, afirmou o UBS em nota a clientes. O mercado doméstico estendeu a reação de quarta-feira à sinalização do BC norte-americano e manteve a trajetória de alta na sessão de ontem, enquanto Wall Street tinha uma sessão mista.

Agentes financeiros atribuem parte relevante do desempenho positivo de ativos de mercados emergentes neste começo de ano à perspectiva de prolongamento do ambiente de elevada liquidez global, relacionada a manifestações recentes do Fed, apesar das preocupações com a desaceleração global. No Brasil, os ganhos ainda são apoiados por perspectivas otimistas para o andamento de reformas, em particular a da Previdência, considerada crucial para melhora a situação fiscal do país.

Confira as cotações das moedas em tempo real nesta sexta-feira (1º):

Dólar

Desenvolvido por Investing.com

Euro

Desenvolvido por Investing.com

Bitcoin

Desenvolvido por Investing.com
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo