Dengue tipo 2 põe Estado de São Paulo em alerta

Por Metro Jornal

O estado de São Paulo entrou em situação de alerta devido à identificação do tipo 2 do vírus da dengue em 19 cidades do interior. A região noroeste do estado apresenta o maior número de casos.

O tipo 2 foi identificado em Andradina, Araraquara, Barretos, Bauru, Bebedouro, Catanduva, Espírito Santo do Pinhal, Indiaporã, Itajobi, Mirassol, Pereira Barreto, Piracicaba, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Santo Antônio de Posse, Uchoa e Vista Alegre do Alto.

dengue

O infectologista e professor da Faculdade de Medicina da USP Ésper Kallás explica que o fato de o tipo 2 ser novo para os paulistas é preocupante, pois os moradores ainda não possuem os anticorpos contra esse vírus, o que permite que ele atinja mais pessoas. O tipo 2 é mais forte por se reproduzir com maior velocidade.

Segundo o médico, “as epidemias tendem a ser mais violentas quando se repetem após um primeiro episódio, dependendo do tipo de dengue”. Isso porque “na segunda ou terceira vez que se contrai a doença os sintomas são mais intensos, sendo cada vez mais grave”.

De acordo com a Secretaria estadual da Saúde, na primeira quinzena de janeiro foram registrados 610 novos casos, somando os tipos 1, 2 e 3. A pasta diz estar trabalhando com prefeitos das regiões mais afetadas em estratégias de combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da doença, e medidas assistenciais para atender aos casos.

A Secretaria Municipal da Saúde afirma que, dos 30 casos de dengue registrados até o momento não há nenhum do tipo 2. No fim no ano passado, a pasta intensificou ações e inspeções por agentes municipais em áreas que possam abrigar criadouros do mosquito.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo