Bolsonaro remove bolsa de colostomia na semana que vem; presidente vai trabalhar do hospital

Por BandNews FM

O porta-voz do Governo de Jair Bolsonaro, General Otávio Santana do Rêgo Barros, afirmou na segunda-feira (21) que o presidente deve passar por uma nova cirurgia no fim deste mês para a retirada da bolsa de colostomia.

Leia mais:
Carlos Ghosn tem 2º pedido de fiança negado; empresas estudam processar executivo
MP-RJ prende suspeitos de envolvimento no assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes

O presidente retorna do fórum econômico de Davos, na Suíça, nesta sexta-feira (25), e faz uma bateria de exames pré-operatórios no domingo (27), em São Paulo. A cirurgia está marcada para o dia seguinte, 28 de janeiro, e a expectativa é de que Bolsonaro fique por pelo menos dez dias no Hospital Albert Einstein.

Segundo o porta-voz, apesar do período de recuperação, o vice-presidente Hamilton Mourão não deve assumir o comando do país. O plano inicial é que Bolsonaro siga realizando despachos diretamente do hospital.

A retirada da bolsa de colostomia é um dos últimos passos de recuperação do presidente após levar uma facada quando ainda era candidato ao cargo, em setembro do ano passado, durante um comício em Juiz de Fora (MG).

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo