Explosão no México deixa pelo menos 66 mortos e 76 feridos

Por Ansa com Rádio Bandeirantes

Uma explosão em um oleoduto na cidade de Tlahuelilpan, do estado de Hidalgo, no México, deixou 66 mortos, segundo autoridades locais. Entre as vítimas, há dois adolescentes de 15 anos e uma criança de 2 anos.

Além dos mortos, mais 76 pessoas estão gravemente feridas. O temor é que haja mais corpos carbonizados no local.

A tragédia foi atribuída a uma sabotagem de grupos criminosos que roubam combustíveis na cidade para vender clandestinamente, conforme informou a companhia mexicana de petróleo Pemex.

O governador de Hidalgo, Omar Fayad, assegurou via Twitter que "todas as medidas necessárias estão sendo tomadas para ajudar os feridos e suas famílias".

O Departamento de Saúde do governo da Cidade do México também informou ter declarado estado de emergência do setor hospitalar para receber os feridos.

O presidente mexicano, Andrés Manuel Lopez Obrador, por sua vez, lamentou "a grave situação sofrida pelos habitantes de Tlahuelilpan".

explosão_ México Reuters

Roubo de combustível

O acidente ocorreu no final da tarde desta sexta-feira (18), quando dezenas de pessoas aproveitavam o vazamento no local para transportar o combustível em baldes e vasilhas. A maioria das vítimas são moradores da região.

Segundo o prefeito do município, Juan Pedro Cruz, o vazamento teve início às 17h (horário local). Na ocasião, militares do Exército isolaram a área, mas não conseguiram controlar a multidão que invadiu o local e pegou combustível.

O roubo de combustível é desenfreado em algumas comunidades mexicanas. O governo disse que a prática já custou ao país cerca de US$ 3 bilhões em 2018.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo