Buscas pelo bebê que caiu em poço na Espanha chegam ao sexto dia

Por Metro Jornal com Band

Já dura seis dias o drama da família de um menino de dois anos que está preso no fundo de um poço na cidade de Málaga, no sul da Espanha.

Autoridades espanholas informaram que o resgate não é simples e deve levar dias. O buraco possui mais de 100 metros de profundidade e entre 20 e 25 centímetros de largura.

Equipes especializadas em resgates foram acionadas para auxiliar nos trabalhos. Dois túneis estão sendo escavados para tentar chegar até o menino.

O buraco tem 25 centímetros de largura e 110 metros de profundidade. No poço há ventilação e pode haver uma cavidade com ar a partir da terra encontrada na exploração do duto, o que aumenta as chances da criança ainda estar viva.

LEIA MAIS:
Atentado com carro-bomba mata mais de 20 pessoas na Colômbia
Morre cantor Marciano, lenda do sertanejo

O caso

O menino Yulen brincava com outra criança nas proximidades do poço quando escorregou e caiu. O local não contava com sinalização ou proteção. Familiares relataram que não conseguiram evitar que a criança caísse.

Até o momento, apenas uma sacola que o menino carregava durante a queda foi encontrada.

O poço

Uma câmara robótica fez imagens do túnel onde o bebê está. No vídeo, dá para ter uma ideia da profundidade do buraco. O espaço, apesar da altura, é estreito e escuro.

As imagens mostram um tampão de terra, que tem sido um obstáculo para o resgate, já que impede as equipes de passarem dali.

Veja: 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo