Prefeito é morto a facadas durante evento público na Polônia

Por Ansa

O prefeito da cidade de Gdansk, na Polônia, Pawel Adamowicz, morreu nesta segunda-feira (14) após ter sido esfaqueado no coração durante um evento de caridade no último domingo (13).

A confirmação da morte foi divulgada pelo cirurgião Tomasz Stefaniak em um comunicado à imprensa local. Adamowicz, de 53 anos de idade, chegou a ser operado no hospital universitário de Gdansk, mas não resistiu ao ferimento.

Leia mais:
Golpe no WhatsApp que oferece vagas de emprego já fez quase 6 mil vítimas
Por que Battisti não passou pelo Brasil antes da extradição?

O prefeito "sofreu uma lesão grave no coração e outras lesões no diafragma e órgãos da cavidade abdominal", explicou o médico. "Não vencemos", disse o ministro da Saúde, Lukasz Szumowski.

O político polonês foi atacado por volta das 20h (horário local) de domingo(13). O agressor invadiu o palco onde Adamowicz estava e após atingi-lo exibiu a faca ao público. De acordo com a imprensa local, o homem pegou o microfone e disse que tomou a atitude porque foi preso injustamente pelo governo anterior, inclusive foi torturado.

"É por isso que Adamowicz vai morrer", teria dito o agressor, que foi detido na sequência pelas forças de segurança. O polonês era prefeito desde 1998 e participava de uma campanha de arrecadação de verba para a compra de novos equipamentos para hospitais da cidade.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo