Governo italiano envia jato à Bolívia para levar Cesare Battisti à prisão na Europa

Por Marcella Gozzo

O governo italiano enviou, neste domingo, um avião para a Bolívia com o objetivo de levar o terrorista Cesare Battisti de volta para a Itália.

A aeronave deve aterrissar em solo boliviano por volta das duas horas da tarde, no horário do Brasil.

O comunicado foi feito premiê italiano, Giuseppe Conte. O premiê afirmou que Battisti inicia o cumprimento da pena perpétua assim que retornar a solo italiano.

Ele também afirmou que as famílias de vítimas de Battisti vão poder finalmente obter justiça.

LEIA MAIS:
“Prato feito” brasileiro tem tamanho exagerado e excesso de calorias
Como se prevenir das doenças infecciosas para as quais não há vacina

O italiano de 64 anos foi preso neste sábado (12) à noite em Santa Cruz de la Sierra; ele era considerado foragido desde o dia 14 de dezembro.

A defesa de Cesare Battisti diz que ainda não é possível definir os próximos passos após a prisão do terrorista italiano.

Em entrevista à BandNews FM, o advogado de Battisti no Brasil, Igor Tamasauskas, falou que é preciso esperar o encaminhamento que será dado ao caso pela justiça da Bolívia, onde ele foi detido.

Prisão

Battisti usava uma barba falsa enquanto caminhava por uma rua na Bolívia quando foi preso.

De acordo com o jornal italiano “Correio de la Sierra”, ele utilizava um documento de identidade brasileiro com nome e sobrenome.

Além disso, Battisti usava calça azul e camiseta, e um par de óculos para se proteger do sol forte.

Ainda segundo a publicação, Battisti estava sozinho e não apresentou resistência.

Uma foto foi divulgada pela polícia local. Veja:

cesare battisti Reprodução
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo