Dicas para enfrentar o calor de São Paulo

Por Metro Jornal

Calor, calor, calor! Não se fala de outra coisa, até porque é um recorde atrás do outro. Nesta quarta foi mais um dia em que o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) mediu a maior temperatura deste verão na capital paulista, marcando 34,1ºC.

Tendo que enfrentar temperaturas acima dos 30ºC e um sol intenso todas as tardes, os paulistanos estão fazendo tudo o que podem para amenizar a sensação térmica e a exposição ao sol forte.

Uma que salta aos olhos é a “dupla utilidade” da sombrinha, que apareceu com tudo neste verão. Além de Geralmente usada para se abrigar das chuvas, agora muitos a usam para se proteger do sol forte.

A dona de casa Maria Helena, 51 anos, usava uma sombrinha enquanto dizia: “Antes usava só para a chuva, comecei a usá-la agora para me proteger do calor”.

Josenilson Pereira, ajudante geral de 63 anos, também usava uma e contou que “o sol quente dá dor de cabeça e não consigo nem dormir”.

Mas as “estratégias” são muitas. “Sempre procuro onde tem ar-condicionado, uma sombra para me esconder. Evito fazer esportes, andar muito também. E só bebo água no calor”, contou a aprendiz administrativa Sarah Massini, 21 anos.

A médica Rossana Vasconcelos, da Sociedade Brasileira de Dermatologia, alerta para os perigos da exposição ao sol. Para além dos riscos à pele, ela afirma “é importante tomar cuidado com viroses, muito comuns nessa época. O calor mexe com o nosso metabolismo e pode causar baixa na pressão”. Segundo Rossana, é importante sempre usar protetor solar e se manter hidratado. “Água é sempre a melhor escolha.”

E quanto à sombrinha? “Maravilhosa! Ela é uma proteção física, o tipo mais antigo e que sempre funciona.”

Por que está esse calorão?

Esse verão chegou com tudo em São Paulo por causa de uma massa de ar quente que tomou conta da região Sudeste, ajudando a manter o vento fresco e frentes frias longe da capital. E deve continuar perturbando os paulistanos por mais um tempinho.

De acordo com o Climatempo, a previsão é que as tardes continuem com máximas acima dos 30ºC no período da tarde pelo menos até o dia 15 deste mês, com calor acima do que é normalmente esperado para janeiro.  

Veja as capitais com as máximas mais altas registradas ontem pelo Inmet

• Rio de Janeiro – 38,5ºC.

• Palmas – 36,1ºC.

• Boa Vista – 34,6ºC.

• Cuiabá e São Paulo – 34,1ºC.

• João Pessoa – 33ºC.

• Goiânia – 32,4ºC.

calor Arte / Metro Jornal


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo