Menina de 14 anos pediu sorvete por delivery e funcionário começou a assediá-la pelo WhatsApp

Por Wellington Botelho

Um crime ocorrido pelo WhatsApp chocou os moradores argentinos. Uma menina de apenas 14 anos pediu sorvete por delivery e funcionário do estabelecimento começou a assediá-la pelo aplicativo de mensagens.

Tudo aconteceu depois que a jovem fez o pedido por telefone em uma pequena loja e acabou deixando o celular como contato, de acordo com informações do jornal Clarin.

Com os dados, o homem entrou em contato com a criança. “Quantos anos você tem?”: Foi à primeira pergunta que ela fez, que foi respondida pelo adolescente. Depois disso, o sujeito praticamente iniciou um monólogo, onde deixou claro que tinha más intenções.

Com medo, a pequena pediu ajuda do pai, que deu continuação à conversa. Depois disso, ele decidiu enfrentá-lo pessoalmente e foi até o estabelecimento.

O pai também fez a denúncia nas redes sociais e o caso acabou repercutindo. De imediato, o individuo foi demitido do local. Ele também foi denunciado as autoridades para as medidas legais.

LEIA TAMBÉM:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo