Gilberto Kassab é oficialmente afastado do governo Doria

Por Metro Jornal com Estadão Conteúdo

Gilberto Kassab foi oficialmente afastado da Secretaria da Casa Civil do governo de João Doria (PSDB).

O Diário Oficial do Estado de São Paulo traz, nesta sexta-feira (4), um decreto retroativo à quinta (3), em que o governador aponta "interesses pessoais" como motivo do afastamento. O texto fala ainda que Kassab sai "sem qualquer ônus para o Estado".

Leia mais:
‘Reforma da Previdência boa é a que passa no Congresso’, diz Bolsonaro; veja proposta do presidente para idade mínima
Usuários do transporte público de SP podem adiar aumento da tarifa; entenda

Kassab está afastado, agora oficialmente, para se defender de acusações de corrupção no caso JBS. Ele não participou da primeira reunião do secretariado na quarta-feira (2). Em seu lugar, estava o secretário-adjunto Antonio Carlos Malufe.

A Procuradoria-Geral da República afirmou que ele teria recebido R$ 58 milhões do grupo J&F entre os anos de 2010 e 2016. Em 19 de dezembro, ele foi alvo de busca e apreensão. Em entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S. Paulo, Kassab disse que não teme ser preso e se defende das acusações.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo