Saiba por que o Natal chegou a ser proibido pelos próprios cristãos

Houve um tempo em que puritanos consideraram a comemoração pagã abominável, já que não há justificativa bíblica para comemorar nascimento de Jesus Cristo em 25 de dezembro.

Por BBC Brasil

Houve um tempo em que a Inglaterra sentiu a necessidade de tomar medidas contra uma atividade considerada "anticristã".

Todo fim de ano uma atmosfera decadente tomava conta do público, e algo precisava ser feito, segundo a visão da época.

As pessoas demonstravam um comportamento excessivo, trazendo desonra ao estilo de vida cristão.

Botecos se enchiam de multidões alegres, negócios fechavam mais cedo, famílias e amigos se juntavam para se esbaldar em banquetes abundantes, casas eram decoradas com plantas comemorativas e a cantoria na rua ia até altas horas.

Era, na visão de muitos, pecaminoso. Tratava-se do Natal.

"Os verdadeiros cristãos"

Em 1644, os puritanos ingleses – cristãos protestantes que acreditavam em regras muito rigorosas – decidiram abolir o Natal.

O governo puritano o considerava um festival pagão, já que não há nenhuma justificativa bíblica para 25 de dezembro ser considerada a data do nascimento de Jesus Cristo.

104919431children-5dcfc4334e2794fec6227c350133595b.jpg

Todas as atividades natalinas foram banidas na Inglaterra até 1660.

No dia 25 de dezembro, lojas e mercados eram obrigados a abrir, e muitas igrejas tinham que fechar as portas. Fazer uma celebração de Natal era ilegal.

A proibição não foi facilmente aceita. Houve protestos para voltar a ter liberdade para beber, ficar alegre e cantar músicas. E, apesar da resistência, a legislação anti-Natal só foi revertida quando Charles 2º se tornou rei.

Mesmo depois da queda da lei, muitos puritanos continuaram a tratar a festa natalina como uma abominação pagã.

Malvisto na América

Banquetes e comemorações também eram muito malvistos por puritanos da América do Norte.

E sim, também houve proibições à festividade em algumas das colônias que hoje fazem parte dos Estados Unidos.

Em Massachusetts, pelos mesmos motivos que na Inglaterra, o Natal foi banido entre 1659 e 1681.

A questão da data

Não há, de fato, um consenso sobre a data exata em que Jesus nasceu.

Alguns teólogos defendem que poderia ser na primavera, já que há referências à pastores vigiando seus rebanhos no campo aberto – é provável que no inverno eles buscassem abrigo.

Também poderia ser no outono, se os pastores estivessem vigiando os animais na estação de acasalamento.

Há pistas, mas nenhuma data específica é dada na Bíblia.

Rituais pagãos

Desde a época do Império Romano, havia uma tradição pagã de festejar intensamente durante um período no fim de dezembro.

104919432romanslikeaparty-a988bc2a37bfef6c29ab482c846d96ca.jpg

Era basicamente um festival de colheita, quando se trocavam presentes, os lares eram decorados e havia muita comida. Beber muito também era parte do espírito da festa.

De acordo com o historiador Simon Sebag Montefiore, o cristianismo inicial tinha que competir com a diversão que as tradições pagãs proporcionavam socialmente.

Os romanos gradualmente abandonaram o paganismo e adotaram o cristianismo. Nessa transição, o calendário cristão acabou se apropriando do calendário pagão.

104886160gluttony-83488471ec2141adafee04a7a1cb24a8.jpg

Durante um tempo, os romanos comemoravam as duas tradições. No fim do século 4º, os rituais pagãos e cristãos coexistiam por 14 dias em dezembro.

Mas não sem algo conflito – e, no fim, a festa cristã saiu vitoriosa.

"Limpeza"

A guerra ao Natal no século 17 foi uma tentativa dos puritanos de "apagar" o que eles consideravam vestígios de uma herança pagã.

Mas é evidente, pelo tamanho das comemorações natalinas no mundo, que eles perderam a briga.

Enquanto os cristãos ao redor do mundo comem um banquete ao lado de uma árvore decorada e experimentam uma taça de vinho, estão dando continuidade a uma tradição que tem muito mais que 2.000 anos.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

https://www.youtube.com/watch?v=JSgoUvBKCZE

https://www.youtube.com/watch?v=1nbe8kTLCP8

https://www.youtube.com/watch?v=BO9Tjsgb24M

©
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo