Sérgio Cabral aceita fazer acordo de delação premiada

Por BandNews FM

O ex-governador do Rio Sérgio Cabral decidiu negociar um acordo de delação premiada com a Justiça.

Por isso, o político, que já foi condenado a 197 anos de prisão, trocou de advogado.

Rodrigo Rocca afirmou que deixou o caso por não trabalhar com delação.

Ele estava com Cabral havia dois anos.

Leia mais:
Após ser flagrada em festa, Suzane von Richthofen tem saída temporária restabelecida
Polícia fecha entradas de supermercado em SP após tentativa de assalto

Agora, quem deve assumir o caso é João Bernardo Kappen, que já teve conversas iniciais com pessoas ligadas à Lava-Jato.

O advogado é especialista em direito criminal.

A delação era uma resistência de Sérgio Cabral, que, por muitas vezes, se negava a falar em audiências com o juiz federal Marcelo Bretas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo