Explosão de prédio no Japão teria sido provocada por spray aerosol

Por Metro Jornal, com Agência Brasil

Um prédio de dois andares no distrito de Toyohira, no Japão, teria explodido após um incêndio em uma sala cheia de sprays aerosol. O acidente, no último domingo (16), deixou 42 feridos e destruiu completamente uma agência imobiliária que atuava no edifício.

A polícia da cidade de Sapporo, no norte do país, informou que uma pessoa na imobiliária teria liberado gás de uma grande quantidade de desinfetantes em aerosol, que seriam descartados, quando a explosão aconteceu. A investigação acredita que o acidente tenha ocorrido depois que um aquecedor de água do escritório causou a combustão do gás.

Entre os feridos estava um funcionário da imobiliária, de 33 anos, que sofreu queimaduras no rosto. A explosão também despedaçou o vidro das janelas e danificou pelo menos 20 edifícios e 26 veículos.

Com informações da NHK (emissora pública de televisão do Japão)

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo