Unesp expulsa 27 alunos por fraude no sistema de cotas raciais

Por Metro Jornal com BandNews FM

A Universidade Estadual Paulista anunciou o desligamento de 27 estudantes que ingressaram na instituição através de cotas raciais, mas que não atendiam aos requisitos previstos em lei.

A medida consta no Diário Oficial desta sexta-feira (14).

Eles estarão proibidos de participar dos vestibulares da Unesp pelos próximos cinco anos.

Leia mais:
Escavação descobre nove ossadas do primeiro cemitério público de SP
Domingo na Paulista vai ter música clássica grátis no vão livre do Masp

Esta é a primeira vez que a universidade toma uma decisão como essa desde que implementou o sistema de cotas, em 2014.

A apuração dos casos envolveu entrevistas com cada estudante. Os critérios utilizados foram definidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e levam em conta questões que envolvem cor da pele, do cabelo e dos olhos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo