Morre quinta vítima de ataque à Catedral de Campinas; idoso passou por cirurgia, mas não resistiu

Por Rádio Bandeirantes

A Secretaria Municipal de Saúde de Campinas confirmou na tarde desta quarta-feira (12) a morte de mais uma vítima do ataque na Catedral Metropolitana da cidade. Heleno Severo Alves, de 84 anos, estava internado no Hospital Municipal Dr. Mário Gatti.

Ele passou por cirurgia após ser atingido por dois disparos nas regiões do tórax e abdômen, mas não resistiu. Outros três feridos já receberam alta, incluindo Jandira Prado Monteiro, de 65 anos, que também foi baleada duas vezes, no tórax e na mão.

Leia mais:
Polícia procura motivação por trás de ataque na Catedral de Campinas; local passa por limpeza para missa em memória
Governo Federal demite mais de 500 servidores neste ano; 371 foram por corrupção
WhatsApp toma decisão polêmica em relação aos pacotes de stickers para Iphones

O crime ocorreu no início da tarde de terça (11). Com a morte de Heleno Severo Alves, o total de vítimas chega a cinco – mais o atirador, Euler Grandolpho, que cometeu suicídio. A motivação do ataque é investigada.

Às 12h15, a Catedral de Campinas realizou uma missa em memória aos mortos no ataque. O local passou por faxina durante a noite. As vítimas serão enterradas durante a tarde desta quarta.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo