Rodízio municipal será suspenso no dia 21; confira o esquema de fim de ano

Por Metro Jornal

A Prefeitura de São Paulo divulgou, na manhã desta terça-feira (11), o esquema do rodízio municipal para este final de ano.

A chamada Operação Horário de Pico estará suspensa para os veículos de passeio a partir do dia 21 de dezembro de 2018.

Já o rodízio de placas para veículos pesados, como caminhões, e as demais restrições – Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões (ZMRC) e a Zona de Máxima Restrição ao Fretamento (ZMRF) – continuam valendo.

O rodízio será retomado na segunda-feira, dia 14 de janeiro de 2019.

Leia mais:
Operação mira senadores e deputados federais, incluindo Aécio Neves e Paulinho da Força
Prefeitura sabia de falhas em viaduto que cedeu desde 2012

Funcionamento
O rodízio municipal restringe a circulação de veículos no Anel Viário da Cidade das 7h às 10h e, depois, das 17h às 20h, de acordo com o dia da semana e o final das placas dos veículos.

A CET lembra que, nos períodos de rodízio, não é permitido circular no Centro Expandido – isso inclui os endereços que cercam o "Mini Anel Viário": marginais Tietê e Pinheiros, avenidas dos Bandeirantes e Afonso D´Esccragnole Taunay, Complexo Viário Maria Maluf, avenidas Tancredo Neves e Juntas Provisórias, viaduto Grande São Paulo e avenidas Professor Luís Inácio de Anhaia Melo e Salim Farah Maluf.

O esquema tradicional da operação é este:

 Dia da Semana Segundas

Feiras

Terças

Feiras

Quartas

Feiras

Quintas

Feiras

Sextas

Feiras

Placas finais 1 e 2 3 e 4 5 e 6 7 e 8 9 e 0

 

Quem desrespeitar a regulamentação, que está prevista no Código de Trânsito Brasileiro, considerada infração de trânsito de nível médio, terá de pagar multa de R$ R$ 130,16 e ainda toma 4 pontos na carteira de motorista.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo