Pesquisadores localizam sete esqueletos que acreditam ser de escravos do século 18 em terreno em SP

Por Metro Jornal

Sete esqueletos foram encontrados por pesquisadores em um terreno na lateral da Capela de Nossa Senhora dos Aflitos, antigo cemitério dos Aflitos, no bairro da Liberdade (centro). Arqueólogos acreditam que as ossadas são de escravos do século 18, já que  uma delas foi achada com um colar com contas de vidro, o que sugere ligação com religião de origem afro.

Até o início deste ano, o terreno na rua Galvão Bueno abrigava propriedade particular. Os proprietários perceberam que a estrutura do edifício estava comprometida e decidiram derrubar para a construção de empreendimento comercial. O DPH (Departamento do Patrimônio Histórico) de São Paulo, que tem a área mapeada, entrou em contato com os donos para avisar da importância arqueológica do perímetro e solicitou a escavação antes da continuidade das obras.

O processo, que começou em outubro, deve durar mais uma semana. Após a finalização das escavações, os ossos serão encaminhados para laboratório de empresa contratada para a consultoria arqueológica, e depois irão para o DPH. “Eles ficarão disponíveis para novos estudos mas, futuramente, queremos depositá-los em um local que represente melhor a crença que esses indivíduos tinham”, disse ao Metro Jornal a arqueóloga do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) Leila Maria França.

Os pesquisadores acreditam que haja outros esqueletos nesta área, mas que não é possível derrubar outros empreendimentos para avançar com a pesquisa. 

Veja mais fotos:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo