Doria traz mais um ministro e tira outro da prefeitura

Por Metro Jornal

O governador eleito de São Paulo João Doria (PSDB) anunciou nesta segunda-feira (3) que levará para o seu futuro secretariado mais um ministro do governo do presidente Michel Temer (MDB) e outro quadro com quem trabalhou na Prefeitura de São Paulo.

Atual ministro das Cidades, Alexandre Baldy vai assumir os Transportes Metropolitanos, que reúne o Metrô e CPTM (Companhia Paulista de Transportes Metropolitanos). Concluir as obras das linhas que estão em andamento ou paradas e construir outros ramais com o setor privado estão entre as suas prioridades.

Já para a pasta de Logística e Transporte – que trata, entre outros temas, da concessão das rodovias –, Doria indicou João Octaviano Machado Neto, que presidiu a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) durante a sua gestão na prefeitura e é o atual secretário de Mobilidade e Transportes do seu sucessor, o atual prefeito Bruno Covas (PSDB).

Com os anúncios, subiu para 15 o número de secretários já confirmados por Doria – além do vice-governador Rodrigo Garcia (DEM), que ocupará as funções da atual secretaria de Governo. Destes, quatro são atuais ministros de Temer e três trabalharam com Doria na prefeitura. O tucano também indicou os novos presidentes da Cetesb (Patricia Iglecias) e Sabesp (Benedito Braga).  

Quem é quem Arte / Metro Jornal
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo