Após temporal, São Paulo registra 40 pontos de alagamento

Por Metro Jornal com BandNews FM

A forte chuva que atingiu a capital paulista entre a noite desta sexta-feira (30) e a madrugada de sábado (01) deixa reflexos em várias regiões.

Às 7h30 da manhã, pelo menos 40 pontos de alagamentos foram registrados, de acordo com a CET.

A Marginal Tietê, que é uma das principais vias da cidade, está interditada em diversos trechos devido a pontos de alagamento.

O Corpo de Bombeiros atendeu 49 chamadas para enchentes entre meia noite e sete horas da manhã.

O tenente André Elias, do Corpo de Bombeiros, explicou à BandNews FM que foram atendidos 11 desmoronamentos, mas sem vítimas.

A cidade tem ainda 13 ocorrências com quedas de árvores.

Muita água!
Em 12 horas, São Paulo recebeu 1/3 do que era esperado para todo o mês de dezembro.

De acordo com o meteorologista do Centro de Gerenciamento de Emergências Thomaz Garcia, entre às 7 da noite e 7 da manhã choveu 66 milímetros. A previsão para este mês é de 190 milímetros.

Em razão do grande volume, o Rio Tietê chegou ao limite, mas não transbordou.

O CGE identificou o transbordamento de córregos na zona norte e na região do Ipiranga.

Durante a madrugada, o nível do Rio Pinheiros também ficou muito alto.

Aeroporto
O mau tempo prejudicou também as operações dos aeroportos em São Paulo.

O aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo, atrasou oito voos e cancelou três para decolagem.

Seis voos que deveriam pousar no aeroporto também foram prejudicados.

Já no aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, 23 voos foram cancelados – sendo 11 para pouso e 12 para decolagens.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo