Quadro com tucano em orgia é retirado de exposição na Alesp

Por Metro Jornal

A pintura “Luxúria”, do artista Euzébio de Assis Ribeiro Pinto, foi retirada de uma exposição na Assembleia Legislativa de São Paulo nesta quinta-feira (29).

A obra traz seres com corpos humanos e cabeças de animais em uma orgia. Todos estão nus. No meio da imagem, há um corpo de mulher com rosto de tucano.

O tucano é o símbolo do PSDB, partido do governador eleito João Doria e do presidente da Alesp Cauê Macris.

Leia mais:
Starbucks vai bloquear conteúdos pornográficos na rede Wi-Fi da empresa
Foto de van Gogh não era ‘van Gogh’, conclui pesquisa

O curador da mostra, Paco de Assis, disse à coluna de Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo que o quadro "passou despercebido e foi removido para evitar comentários".

O quadro integrava a exposição “Olhar 2018”, inaugurada na terça-feira (27), com apoio do deputado estadual Hélio Nishimoto (PSDB).

Durante o período eleitoral, um vídeo que supostamente envolvia João Doria em uma orgia com cinco mulheres vazou na internet. Ele negou a participação.

Veja a obra:

Euzébio de Assis Ribeiro Pinto Reprodução
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo