Apenas 9% dos usuários brasileiros escrevem Black Friday corretamente no Google

Por Metro Jornal

Parece mesmo que o Brasil não é um país fluente em inglês. E, para quem acha que a familiaridade com a língua, surgida a partir dos dialetos germânicos, era óbvia por conta da influência da cultura estrangeira em nosso país, basta lembrar de duas coisas: 1) Dos 20 artistas mais ouvidos pelos brasileiros no Spotify, só o Ed Sheeran é gringo; 2) 6, em cada 10 brasileiros, segundo pesquisa do site Filme B, preferem assistir filmes e séries internacionais dubladas.

Leia mais:
Curiosidades numéricas sobre a Black Friday no Brasil
Para evitar golpes, Serasa consulta CPF e CNPJ gratuitamente durante a Black Friday

Ou seja, o inglês nem é tão pop assim. Esta pode ser uma das explicações porque tanta gente escreve errado o termo “Black Friday” nos serviços de buscas do Google. É o que mostra um levantamento da empresa, cujos dados revelam que a incidência mais comum dos termos de pesquisa para se referir à sexta-feira de liquidação é “Black Fraid”.

Segundo o Google, isso acontece em 27% das buscas realizadas. A expressão correta vem em sexto lugar, empatada com “Black Frid”, na marca de 9%. Curioso mesmo é que nem a enxurrada de anúncios e propagandas que circulam por aí no mês do evento são capazes de gravar a forma correta em nossa memória.

Confira o levantamento:

Black Friday
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo